COMPARTILHE:

[print-button target='#areaImpressao']

Ciência Hoje das Crianças


Conteúdo do Link: http://chc.cienciahoje.uol.com.br/arte-na-caverna/

Arte na caverna

Cientistas encontram na França os desenhos mais antigos da humanidade

Notícias - 14-06-2012 Arte e Cultura Imprimir Pdf

Você sabe onde ficam expostas as obras de arte? Se respondeu galerias e museus, acertou, mas saiba que uma caverna localizada em Abri Castanet, na França, também pode servir para guardar obras primas. Lá, pesquisadores encontraram uma rocha com desenhos feitos há 37 mil anos – são as obras de arte mais antigas já encontradas.

Pedaço de pedra com pintura pré-histórica

Um dos desenhos encontrados representa um animal presente no cotidiano dos nossos ancestrais (Foto: Raphaëlle Bourrillon)

Segundo a arqueóloga Raphaëlle Bourrillon, os desenhos ilustravam animais e partes do corpo humano. “As imagens foram pintadas e esculpidas no teto da caverna, que já havia caído quando o local foi descoberto”, conta. A rocha que formava o teto pesava tanto quanto um carro e a equipe precisou quebrá-la em pequenos pedaços para ter acesso às ilustrações.

Depois de muita pesquisa, os cientistas descobriram que os autores dos desenhos são os aurignacian, ancestrais humanos que habitavam a caverna na época. Ainda não se sabe que ferramentas eles usaram, mas já foi possível identificar que as partes da imagem que parecem ter sido pintadas com tinta vermelha são, na verdade, produto do contato com minerais do solo da caverna após a queda do teto.

Pedaço de pedra com desenho pré-histórico

Dentre as imagens, os pesquisadores encontraram um desenho que parece mostrar as patas traseiras de um cavalo (Foto: Raphaëlle Bourrillon)

Até então, os desenhos considerados os mais antigos do mundo haviam sido feitos também pelos aurignacian, só que há 32.500 anos em outra caverna da França. “Essas imagens eram mais elaboradas do que as que encontramos e, com isso, é possível perceber que a arte pré-histórica tinha diferentes estilos”, diz Raphaëlle.

Mariana Rocha, colaboradora da CHC impressa e online
Cresci gostando de fazer descobertas para escrever sobre elas. Na CHC consigo ser curiosa e escritora, tudo ao mesmo tempo!

Comentários

Observação: Os comentários publicados abaixo foram enviados por nossos leitores e não necessariamente representam a opinião da Ciência Hoje das Crianças.

  1. AlexandraPortela disse:

    Olá!! Estou trabalhando com meus alunos sobre a evolução do homem e gostaria de receber algo da cHC para apresentar em sala.
    Em dezembro (Natal) quero presentear minha filha com uma assinatura!!! Qual o valor? Para professor tem algum desconto? Adooooro essa revista.

    Aguardo a resposta…


Deixe o seu comentário!









Conteúdo Relacionado

  • Fofura pré-histórica

    Livro retrata dinossauros em situações cotidianas e sugere que eles não eram tão temíveis

    Os predadores como o (i)Tyrannosaurus rex(/i) deviam levar uma vida bastante preguiçosa quando não estavam caçando. (imagem: John Conway/ All yesterdays)
  • Família preguiça

    Paleontólogo descobre fósseis de mãe e filhote que viveram há mais de 11 mil anos

    preguiça01 thumb
  • Histórias das cavernas

    Cientistas descobrem evidências de que os neandertais enterravam seus mortos

    O “homem das cavernas” de que falamos aqui é conhecido pelos cientistas como (i)Homo neanderthalensis(/i), ou simplesmente homem de Neandertal. Ele tem esse nome porque seus fósseis foram encontrados pela primeira vez no Vale de Neander, na Alemanha (Imagem: Randii Oliver/Wikimedia Commons)
string(31) "lightboxIframe link infografico"

Infográfico Água

Novidades

Cadastre-se para receber nossas novidades por e-mail.

Seu e-mail

Twitter